Estudo comprova que atividade física pode evitar doença renal crônica

 

Não é uma novidade que as atividades físicas ajudam a prevenir diversas doenças, mas um estudo publicado no British Journal of Sports Medicine comprovou que exercícios físicos pode evitar a doença renal crônica, e mais, os rins também se beneficiam das atividades!

O trabalho envolveu 199 421 taiwaneses com idade média de 20 anos. Eles foram acompanhados por cerca de quatro anos, passando por avaliações médicas, exames e aplicação de questionários que determinavam os níveis de atividade física de cada um.

O resultado surpreendeu! Os sedentários apresentaram uma queda anual mais significativa na taxa de filtração glomerular (que é à medida que indica a saúde dos rins), portando, a probabilidade de serem diagnosticados com doença renal crônica era quase 10% maior, mesmo quando outros fatores de risco foram contabilizados.

Foi comprovado também (por estudo em animais) que o processo de filtragem das toxinas em si é mais eficiente nos indivíduos ativos. Outras pesquisas apontam o exercício como fator protetor contra pedras nos rins e até tumores no órgão, mas os motivos disso são desconhecidos, principalmente em humanos.

Devemos lembrar também que, atividades físicas em intensidade moderada protege contra obesidade, diabetes e hipertensão, três problemas que comprometem a saúde renal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *